Guarda é denunciado furtando e GM silencia

A GM (Guarda Municipal) de Cascavel é alvo de mais uma polêmica na cidade. Desta vez, o caso é de flagrante de furto envolvendo um guarda patrimonial, acusado de ter furtado duas mudas de árvore no EcoPark Morumbi, zona norte da cidade, que, apesar de flagrado cometendo o crime, não foi preso. A GM não quer falar a respeito do assunto para “não atrapalhar as investigações” e tampouco explica por que o funcionário não foi detido.

UNIMED OUTUBRO

Em nota, a prefeitura confirmou o furto e que “foi solicitada a restituição das duas plantas e informado à direção da Guarda, que estará reunindo a documentação pertinente para instauração de processo administrativo, a fim de averiguar a situação e dar os devidos encaminhamentos”.

Diretor da GM, o coronel Avelino Novakoski disse que qualquer informação a mais poderia atrapalhar a resolução do caso: “Nós temos testemunhas e estamos iniciando as investigações. Quanto a quem falhou e quem estava envolvido, estamos evitando divulgar para garantir o bom andamento das investigações e a punição necessária”.

A polêmica se agrava porque, apesar de terem sido devolvidos os objetos furtados, isso não apaga o crime e o servidor deveria ter sido levado para a delegacia devido ao flagrante, o que não aconteceu.

Segundo o coronel, esse é um dos pontos principais da investigação.

O fato aconteceu na segunda-feira (14), quando o servidor foi flagrado com duas mudas que seriam plantadas no EcoPark dentro do próprio carro. Conforme a direção da GM, ele não chegou a deixar o local com as plantas do local. Ele informou também que as mudas devolvidas pelo servidor já estão plantadas no parque. Contudo, vale lembrar que o servidor em questão é da Guarda Patrimonial, criada justamente para proteger o patrimônio público.

ALEP Outubro e Novembro

Receba as principais notícias através do WhatsApp

ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp. Ao entrar seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.


Fale com a Redação