Decreto autoriza suspensão de parcelas de consignados de servidores da Prefeitura de Cascavel

A suspensão não é automática e o servidor

O prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos, assinou decreto que autoriza a suspensão do desconto em folha de pagamento de até três parcelas de empréstimos consignados feitos por servidores. A medida estará em vigor enquanto perdurar o estado de emergência no Município, declarado no dia 13 de março.

Quando usar máscara de pano

A suspensão não é automática e o servidor, ativo ou inativo, se optar pela suspensão, deverá procurar diretamente a instituição consignatária em que firmou contrato de empréstimo. As parcelas suspensas poderão ser acrescidas ao final do contrato.

Pelo decreto, o servidor ativo e inativo que solicitar a postergação das parcelas  do empréstimo consignado deverá se responsabilizar pelos encargos financeiros incidentes sobre a operação decorrente do adiamento dos pagamentos.

Para efeito do refinanciamento ou renegociação do contrato, o servidor deverá possuir margem consignada disponível.

Mosquito da dengue nas áreas externas


Fale com a Redação

18 − 10 =