VARIEDADES

Carreta da Inovação leva cursos para a região do bairro Floresta

29 de junho de 2022 às 10:57
Publicidade

Desde o último dia 31 de maio, equipes da  Fundação para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico de Cascavel (Fundetec) estão com a carreta da inovação estacionada no bairro Floresta.

 

Lá acontece de segunda à sexta feira cursos voltados à tecnologia da Informação, através do Progeti (Programa Estratégico de Geração de Empregos em Tecnologia da Informação) para crianças, jovens e adolescentes.

 

“Na segunda feira,  de manhã e à tarde, temos o curso de modelagem e impressão 3D. Nas terças e quintas-feiras  temos a programação com games e quartas e sextas feiras, temos lógica de programação . Tudo gratuito,  custeado pelo Governo Municipal através da Fundetec”, informou, Rafael Amaral, diretor técnico da Fundação.

 

A carreta da inovação permanecerá no Jardim Floresta até o fim do mês de julho. Na sequência será levada para outro território do Município,  onde será dada a oportunidade  para mais  pessoas ingressarem nos cursos.  As informações  sobre o Progeti, podem ser obtidas  através do site do Progeti www.progeticascavel.com.br ou através do telefone 3218-1250, que é o watsap oficial do Programa.

 

A ideia é aproximar as crianças, jovens e adolescentes desta oportunidade oferecida pela Prefeitura de Cascavel por meio da Fundetec, visando a formação deste público para uma nova tecnologia que é a tecnologia da informação através de dois cursos: Lógica de programação e programação de games.

 

“Nós pretendemos formar cinco mil programadores até o final de 2024 e para isso, estamos levando este projeto para próximo da população para que ela se sinta mais a vontade para  acessar este grande benefício que o Município, por meio da Fundetec, está oferecendo. Queremos  fazer com que o programa se torne permanente  aqui na região norte. Além das oito turmas formadas aqui, estamos fazendo a sensibilização de todos os moradores da região para que a gente possa permanecer, não com a carreta, mas através das parcerias, onde poderemos seguir com a formação de programadores dentro dos laboratórios destes parceiros. Assim poderemos perpetuar  o programa, tornado-o  perene”, finalizou Rafael Amaral.

Secom

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE