Veículo “fura” barreira sanitária; na fuga, polícia atira e mata motorista de outro carro

No carro que estava em fuga havia seis pessoas

Uma ocorrência deixou o setor policial movimentado no fim da tarde de hoje (25) em Francisco Beltrão, sudoeste do Paraná.

Quando usar máscara de pano

Segundo informações, um Corolla com placas de Beltrão, que seria da filha de uma vereadora da cidade, teria furado a barreira sanitária instalada na PR-180 e de imediato um policial da Rocam começou acompanhamento do veículo e, por meio do radiocomunicador, informou as demais viaturas sobre a fuga. No trevo de acesso à Unisep, uma viatura da Polícia Ambiental ficou posicionada aguardando o carro em fuga, e, de acordo com os policiais, o condutor tentou jogar o carro para cima da viatura. Dois disparos foram efetuados por parte dos policiais na tentativa de fazer com que parassem o carro, que seguiu e bateu em uma Pajero que passava pelo local.

O socorro médico foi rapidamente mobilizado, sendo cinco ambulâncias e mais o caminhão do Corpo de Bombeiros, além de mais de uma dezenas de viaturas da PM. No Corolla estavam seis pessoas, sendo duas mulheres, inclusive a filha da vereadora. Dois dos rapazes estavam com tornozeleira eletrônica.

Na Pajero estavam um casal e uma criança. A mulher e a criança não se feriram, mas o homem foi atingido na cabeça por um dos tiros, chegou a ser reanimado por alguns minutos pelos socorristas, mas não resistiu e morreu. Ele foi identificado como Nilvo Bortolini.

A criminalística e a Polícia Civil foram acionadas para fazer o levantamento inicial e apurar as causas da fuga.

Um congestionamento de mais de um quilômetro se formou em ambos os sentidos da rodovia durante o atendimento as vítimas.

No vídeo, dá para ver os policiais algemando dois rapazes que estavam no Corolla.

Fotos: Sandro Carbonera/ Portal Tri – Informações Portal de Beltrão

Mosquito da dengue nas áreas externas


Fale com a Redação

vinte − 9 =