Goiânia – Um bebê de nove meses morreu afogado depois de cair em um balde com água, no município de Acreúna, no sudoeste goiano nessa quinta-feira (13). Segundo informações da Polícia Civil de Goiás, a mãe da criança limpava a casa no momento do acidente e não percebeu a situação de imediato.

A fatalidade aconteceu nessa quinta-feira (12). Segundo a Polícia Militar, a mãe de Henry Pietro Alves Santos se distraiu ao arrumar a casa e quando deu por si, o menino já havia caído no balde.

Conforme explicação do delegado, ao ver que o filho tinha se afogado, a mãe pediu ajuda para uma vizinha, que tentou acionar o socorro, não conseguiu e acabou recorrendo a Polícia Militar.

Ao chegarem no local, os militares tentaram reanimar a criança e acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). No entanto, segundo Candeo, o bebê já estava morto.

Ainda, segundo o investigador, a mãe da criança está em choque. De acordo com ele, a mulher não soube explicar o que aconteceu e deve ser ouvida pela corporação na próxima semana.

Fonte: Portal G1