Nos quatro dias do feriado prolongado do Dia do Trabalhador, o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) registrou 56 acidentes de trânsito, com 65 pessoas feridas e 11 mortos nas rodovias estaduais.

Nas rodovias que cortam o Litoral, houve cinco acidentes e uma morte. O balanço, divulgado nesta segunda-feira (04), compreende as ocorrências entre sexta-feira (1º) e domingo (03).

O Batalhão reforçou as medidas preventivas, com abordagens e fiscalizações ao longo de todo o feriado. Houve atividades nos 56 Postos Rodoviários distribuídos no Estado, com operações para orientar motoristas sobre condutas de direção defensiva para evitar acidentes.

Com o trabalho de combate ao excesso de velocidade, os policiais militares rodoviários fizeram 562 imagens de radar em todo o Estado. Ao todo, foram feitas 1.129 autuações de infração de trânsito.

Já nas fiscalizações de controle de alcoolemia, o BPRv fez 37 exames etilométricos. Durante as abordagens os policiais militares fizeram dois encaminhamentos por embriaguez ao volante, e lavraram três multas. Ainda nas abordagens, as equipes verificaram a condição de veículos e condutores, resultando em 37 veículos removidos ao pátio.

LITORAL – As fiscalizações também foram reforçadas nas rodovias que cortam o Litoral. Os trabalhos foram desencadeados pelo efetivo da 1ª Companhia, nos acessos aos municípios litorâneos.

Durante o feriado, houve cinco acidentes, com cinco pessoas feridas e uma morte. As equipes lavraram 38 autuações de trânsito e seis exames etilométricos, que resultaram em uma prisão por embriaguez ao volante e uma multa pelo mesmo crime.