O corpo do radialista Ricardo dos Santos, de 45 anos foi encontrado na manhã dessa terça-feira (8), próximo de sua residência, na rodovia BR-163 em Marechal Cândido Rondon, foi velado na Capela Mortuária da Funerária Santa Catarina.

Segundo familiares, o corpo foi velado até as 10h em Marechal Rondon e depois foi transladado para Cascavel, onde será velado até as 16h na Capela da Acesc, e depois sepultado.

Em Cascavel reside o pai de Ricardo, o ex-policial de Santa Helena, Nelson dos Santos, conhecido como “Pense Bem”.

Na manhã de terça-feira (7), o corpo de Ricardo Santos, de 45 anos, foi encontrado por populares em uma valeta em uma estrada rural, que liga a BR-163 a antiga Danceteria Caribe, região do Bairro São Francisco.

Foi apurado que Ricardo era morador do Bairro São Francisco, que na segunda-feira estaria em um bar – bastante alterado – de onde saiu, e foi encontrado sem vida no dia posterior.

Populares foram até a sua moradia e encontraram o local aberto e o carro na garagem.

PMs e policiais civis, em uma análise preliminar, não encontraram nenhum tipo de sinal de violência, ou seja, tudo indica que ele tenha sido vitima de um infarto fulminante.

O Instituto Médico Legal de Toledo realizou a necropsia do corpo, coletou amostras e o resultado deverá sair em 30 dias, oficializando a causa da morte.

Ricardo Santos, tinha 45 anos, começou no rádio em Santa Helena, cursou jornalismo em 2006 e desde então atuava na radio coirmã Educadora de Marechal Rondon.