Policiais Civis do Setor de Inteligência da 15ª SDP (Subdivisão Policial) prenderam um homem de 37 anos, acusado da prática ilegal do comércio de cytotec, produto abortivo que contém em seu componente misoprostol, elemento sintético proibido por causar dano à saúde, sendo criminalizada sua comercialização.

O medicamento era entregue pelos Correios no meio de livros caça-palavras.

O comércio de cytotec é equiparado ao tráfico de drogas. O Dr. Fernando Zamoner, Delegado Adjunto da 15ª SDP, que comandou a ação, concederá entrevista coletiva às 15h, na sede da 15ª SDP. Divulgaremos a entrevista na íntegra no nosso facebook