Uma ossada humana foi encontrada na noite desse domingo (30) em Corrêa Porto no interior de Santa Helena.

A ossada possivelmente é de um homem, identificado como Daniel Bortolini, que desapareceu em junho de 2019. Junto ao corpo foi encontrada uma carteira contendo CPF.

A mãe do jovem registrou seu desaparecimento no início do mês de junho de 2019. Mas teria visto o filho pela última vez em fevereiro do mesmo ano, quando ele lhe procurou e pediu que comprasse umas roupas, pois teria uma entrevista de emprego marcada.

Ela ainda teria identificado o tênis  localizado nas proximidades da ossada como sendo de Daniel.

Mesmo com documentos e identificação das roupas, a ossada deve passar por exames de DNA para identificação. Exames para descobrir a causa da morte também serão realizados.