Coluna Bandeirada do dia 8 de dezembro de 2018

Cascavel encerra dois campeonatos de motos

Cascavel encerra dois campeonatos de motovelocidade. Neste sábado e neste domingo serão disputados no Autódromo Zilmar Beux a sétima e última etapa da Copa Paraná/Sul de Motovelocidade e o Campeonato Paranaense de Motovelocidade.

brde2

O Paranaense é disputado em etapa única, nos mesmos moldes do Campeonato Paranaense e Brasileiro de Kart.

A programação tanto para este sábado quanto para o domingo tem início às 8h30. No sábado haverá treinos livres, classificatórios e uma bateria de cada categoria das duas competições. Já no domingo serão disputadas a segunda bateria da Copa Paraná/Sul e as duas provas do Paranaense.

A promoção e a organização são de Orlei Silva, com supervisão da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) e da FPM (Federação Paranaense de Motociclismo). O ingresso é um quilo de alimento e tudo o que for arrecadado será revertido ao Provopar.

Copa Paraná/Sul

A Copa Paraná/Sul fecha neste fim de semana a segunda edição. O equilíbrio foi um dos pontos altos ao longo da temporada e todos os campeões serão conhecidos na bandeirada final da segunda bateria.

Na categoria Twister, o campeão será um cascavelense, uma vez que os representantes da Capital do Oeste ocupam as três primeiras colocações da classificação: Élvis Bittencourt lidera, com 274 pontos, seguido de Leonardo Galvan, 212; e Douglas Henrique Silva, com 120 pontos.

Na categoria 300 light a liderança também é de Cascavel: Gian Canavier tem 288. Maycon Benassi, de Curitiba, é o vice-líder, com 233 pontos, enquanto Kelvin Macedo, de Cascavel, é o terceiro colocado, com 207 pontos.

A categoria 300 Pró tem o cascavelense Gyoty Guiot como líder, com 271 pontos. João Carlos Kovo, de Curitiba, é o vice-líder, com 253; ao passo que Michael Alexandre, de Foz do Iguaçu, ocupa a terceira colocação, com 198 pontos.

Luciano Zanardi, de Cascavel. está em primeiro na categoria 600 Pró; com Alexandro Milla (Francisco Beltrão), em segundo, com 114; e Almir Margazão (Medianeira), em terceiro, com 61 pontos.

Já na categoria 1000 Pró, Márcio Bortolini, de Foz do Iguaçu, está na liderança, com 56 pontos. O paraguaio Leandro Buzinaro é o vice-líder, com 49, enquanto o londrinense Joelsu Suel aparece em terceiro, com 31 pontos.


Stock Car tem decisão em Interlagos

A Stock Car faz neste domingo em Interlagos o encerramento da temporada 2018. Daniel Serra e Felipe Fraga são os únicos entre os 30 pilotos que chegam a São Paulo com chances de levantar o caneco – pela segunda vez, diga-se, já que os pilotos de Eurofarma e Cimed são exatamente os dois últimos campeões da principal categoria do automobilismo brasileiro.

Os dois postulantes ao título vão para a etapa final separados por apenas 25 pontos – de 60 que estão em jogo na corrida.

Assim, as chances de cada um são variadas e, apesar da vantagem numérica de Serra, o cenário ainda permanece completamente aberto. Na matemática do título, basta ao piloto da Eurofarma RC o quarto lugar em São Paulo sem depender de qualquer outro resultado do adversário da Cimed Chevrolet Racing.

Um eventual quinto lugar, no caso de uma vitória de Felipe Fraga, dá o bicampeonato ao atual vice-líder da tabela. Daniel Serra sustenta 297 pontos contra 272 de Fraga, de maneira que o campeão de 2016 precisa terminar a corrida em Interlagos marcando 26 pontos a mais que o rival.

“Ambos estão em boa fase, e é bom estarmos disputando. Admiro muito o Daniel como piloto, e acho que a recíproca é verdadeira. É uma disputa sadia”, afirma Felipe Fraga. “O Felipe evoluiu muito nas últimas corridas deste ano e é um bom piloto para estar disputando o título contra. Essa briga tem sido muito boa”, reforça Daniel Serra.

As combinações são variadas e em Interlagos os postulantes ao bi só terão uma chance com a disputa de corrida única pelos 4.309 metros do principal circuito do País.

Felipe Fraga e Daniel Serra, os dois últimos campeões, buscam o bi neste domingo / Foto: Divulgação

Rali Gaúcho

Agora é decisão. O Campeonato Gaúcho de Rali de Velocidade chega à etapa decisiva neste sábado, na cidade de Marcelino Ramos. Em uma corrida inédita, estarão em jogo os títulos de três categorias: RC2 (a mais forte dos 4×4), RC4 (a mais forte dos 4×2) e a RCR (categoria de entrada dos 4×2).

Obras

Mesmo com as festas de fim de ano, as obras no Kartódromo Delci Damian não irão parar. O Kart Clube de Cascavel se prepara para sediar o Campeonato Brasileiro de Kart em julho.

Motocross

Boa Esperança, na região de Goioerê, sedia hoje a etapa de encerramento do Campeonato Paranaense de Motocross. Serão disputadas as categorias Minimotos (até 10 anos), 65cc (até 12 anos), Júnior/85cc (até 16 anos), Batom, MX Nacional, MX Amador Força Livre, MX Intermediária, MX4, MX3, MX2 e MX Pró.

Stock Light tem quatro na luta pelo título

Com corrida única e o dobro de pontos em disputa – são 60 em jogo -, Raphael Reis, Enzo Bortoleto, Gustavo Frigotto e Pedro Cardoso disputam o título da Stock Light neste domingo no Autódromo de Interlagos. Eles estão separados por 55 pontos. Reis é o que tem situação mais confortável, com 195 pontos e 32 de vantagem para Bortoleto (163), o segundo colocado. Frigotto soma 142 (53 atrás de Reis) e Cardoso, 140 (55 de desvantagem). O título da Stock Light garante incentivos para que o campeão dispute a temporada completa da Stock Car em 2019.

JK

Receba as principais notícias através do WhatsApp

ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp. Ao entrar seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.


Fale com a Redação