Servidores da Receita Federal em conjunto com policiais do BPFron (Batalhão de Polícia de Fronteira) e Exército Brasileiro estouraram nesta quarta-feira (18), por volta das 11h30, um depósito clandestino localizado na região do Porto Meira, área urbana de Foz do Iguaçu.

Por meio do monitoramento feito pelo drone da Receita Federal, as equipes identificaram movimentação de veículos que saíam de um porto clandestino. Foi realizado um acompanhamento tático e descoberto o depósito em uma borracharia.

No local foi localizado um veículo Fiat/Fiorino carregado de vinhos. Em um cômodo do imóvel foram encontrados vinhos e azeites descaminhados provenientes da Argentina. Estima-se o valor das mercadorias em R$ 20 mil. As mercadorias e o veículo foram encaminhados para a Receita Federal em Foz do Iguaçu.

O responsável pelo local e condutor da fiorino foi devidamente qualificado e será encaminhada uma Representação Fiscal para Fins Penais para o Ministério Público.

A Receita Federal disponibiliza telefones de contato para denúncias, de forma anônima, por meio dos números (45) 9 9152-2036 e (45) 9 9134-0100.

Essa iniciativa está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalizações atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros.