A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, às 23h59 de domingo (26), a Operação Natal 2021 no Paraná. Neste ano, durante os quatro dias de operação, que teve início na quinta (23), agentes da PRF flagraram 100 motoristas dirigindo bêbados; 14 foram presos. 371 condutores ou passageiros estavam sem o cinto de segurança, além de 75 ocasiões em que crianças não utilizavam adequadamente um dispositivo de retenção, como a cadeirinha.

A PRF registrou 99 acidentes, 129 feridos e 12 mortos. Na operação do ano passado, durante o período de restrições impostas pela pandemia, entre os dias 24 e 27 de dezembro, 62 acidentes foram atendidos, 84 pessoas ficaram feridas e outras cinco perderam a vida. Os dados são preliminares e podem sofrer alterações.

Foram registradas 406 ultrapassagens irregulares durante o feriado, representando mais de quatro flagrantes por hora de operação. Esse tipo de ultrapassagem é responsável pela maioria dos acidentes do tipo colisão frontal, onde o motorista não consegue efetuar em tempo a manobra de ultrapassagem ou força a ultrapassagem, colidindo frontalmente com o veículo que está trafegando no sentido contrário. Oito pessoas perderam a vida nesse tipo de acidente durante o feriado, número que corresponde a mais de 66% do total de 12 mortos.

Foram fiscalizadas 10,346 pessoas e 10.149 veículos. 2.847 infrações foram registradas pelos policiais, nos cerca de quatro mil quilômetros de rodovias federais da circunscrição da PRF no Paraná. No total, 105 veículos foram recolhidos, por diferentes irregularidades.

Além disso, foram apreendidos pelos policiais rodoviários federais no Paraná mais de 182 quilos de maconha, seis veículos foram recuperados e 36 pessoas foram detidas por diversos motivos.

(PRF)