A Polícia Civil do Paraná (PCPR) realizou vistoria com cães farejadores em todas as celas da Penitenciária Federal de Catanduvas, no oeste do Paraná. Lá encontram-se detidos alguns dos principais líderes de organizações criminosas, entre eles Elias “Maluco” e “Marcinho VP”. A ação aconteceu na manhã desta quarta-feira (28), em apoio a ações relacionadas ao plano de defesa desenvolvido pelo Departamento Penitenciário (Depen) Nacional.

Três cães da PCPR – Faro, Hera e Narko – realizaram buscas minuciosas nas celas e nos pertences dos detentos, além de vistoriar sacolas levadas por visitantes. Nada de ilícito foi encontrado durante a ação.

O helicóptero da PCPR também participou da ação e realizou simulação de retomada da penitenciária. O simulado foi realizado junto de uma equipe tática da Polícia Federal, para treinar resposta a situações de conflito dentro do presídio.

O presídio é conhecido pela sua segurança, que inclui o fato de nunca terem sido encontrados ilícitos no local. Os cães foram acionados para certificar isso, já que são treinados para encontrar drogas em pontos que podem passar despercebidos em uma revista comum.

Ações como essa, em apoio ao Depen Nacional, devem acontecer de forma periódica, a fim assegurar a manutenção da segurança no local.