Brasília – Um levantamento realizado pelo Sebrae com base nos dados disponibilizados pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), ligado ao Ministério da Economia, mostra que os pequenos negócios foram responsáveis pela criação de 2.094.812 empregos com carteira assinada entre julho de 2020 e 2021, cerca de 71,8% das vagas criadas no Brasil durante o período.

Esse valor é quase três vezes maior ao dos empregos criados pelas médias e grandes empresas no mesmo intervalo, cerca de 717.029. Somente em junho deste ano, as pequenas empresas foram responsáveis por 871.197 admissões contra 654.801 demissões, tendo um saldo positivo de 216.396 empregos gerados.

Ainda segundo a pesquisa, o setor de serviços foi o que mais abriu vagas de trabalho durante o período. Em junho, o segmento criou 87,2 mil empregos, seguido pelo comércio, com 63,2 mil vagas, indústria da transformação, com 30,9 mil, construção civil, com 26,4 mil e agropecuária com 5,9 mil.