Diante do desdobramento do roubo que vitimou uma guarda municipal na tarde do último domingo (10) e a partir da instauração do processo administrativo que apura a conduta dos guardas durante as prisões de suspeitos, o prefeito Leonaldo Paranhos determinou na tarde desta quarta-feira (13) o afastamento de dois dos guardas municipais e cobrou celeridade na apuração dos fatos.

O assalto aconteceu na tarde de domingo (10), no Jardim Nova Cidade. Dois ladrões armados renderam a servidora e levaram arma, colete balístico, celular e o veículo da servidora. Várias equipes da PM e da GM foram mobilizadas e encontraram o carro abandonado e também recuperaram a pistola roubada.

Dois suspeitos foram detidos e encaminhados para a 15ª SDP (Subdivisão Policial).

De acordo com a advogada de um dos detidos os agentes da GM, que efetuaram a prisão, teríam agredido e quebrado várias coisas na residência do homem.

O homem de 28 anos que estaria envolvido no assalto foi liberado da Cadeia Pública ontem (12) e deve responder processo em liberdade. O outro suspeito segue detido à disposição da Justiça.