Curitiba – A Secretaria de Estado da Saúde recebeu 279.290 vacinas contra a covid-19 na tarde dessa sexta-feira (6), sendo 177.840 doses da Pfizer/BioNTech, 97.300 da AstraZeneca/Covax e 4.150 Janssen/Johnson & Johnson. Os imunizantes foram enviados via terrestre.

Outras 136.500 doses da AstraZeneca/Fiocruz chegaram à noite. As vacinas fazem parte da 35ª pauta de distribuição do Ministério da Saúde com 415.790 doses destinadas ao Paraná.

Segundo o Informe Técnico, 57,6% das doses são destinadas a primeira dose (D1) ou dose única (DU) e 42,4% para a segunda aplicação (D2). São elas: 138.060 Pfizer/BioNTech D1, 97.300 AstraZeneca/Covax D1, 4.150 Janssen/Johnson & Johnson DU, 39.780 Pfizer/BioNTech D2 (referente à 20ª pauta) e 136.500 AstraZeneca/Fiocruz D2 (da 21ª pauta).

Essa é a segunda remessa de imunizantes enviada pelo governo federal nesta semana. Na quinta, o Paraná recebeu 129.870 doses do lote de 187.470 vacinas contra a covid-19 da 34ª pauta. Com a nova remessa, o Estado somará 603.260 doses recebidas nesse período, sendo 398.180 D1 ou DU e 205.080 D2. Somando todos os envios, o Paraná recebeu 10.467.510 de doses e chegará a 10.604.010 com o lote desta noite.

 

Vacinômetro

O Paraná ultrapassou a marca das 8,5 milhões de vacinas contra covid-19 aplicadas no Estado nessa sexta. Em cerca de seis meses e meio, foram aplicadas 8.521.967 doses, das quais 6.061.602 primeiras doses, 2.152.959 segundas doses e 307.406 doses únicas.

Atualmente, 73% dos paranaenses adultos já iniciaram sua imunização e receberam pelo menos uma dose (D1 ou dose única). São 6.369.008 pessoas já alcançadas pela vacinação. Além disso, 28,21% da população já está completamente imunizada (seja com a segunda dose ou com dose única), somando quase 2,5 milhões de pessoas. São 2.460.365 paranaenses que já finalizaram seu ciclo de imunização.

Dos imunizantes utilizados no período, 49,2% são da Covishield (AstraZeneca/Oxford), 33% da Coronavac (Instituto Butantan/Sinovac), 14,2% da Cominarty (Pfizer/BioNTech) e 3,6% da Janssen (Johnson & Johnson).

Com o avanço da vacinação, o Paraná se aproxima das metas estabelecidas pela Secretaria Estadual de Saúde: chegar a 80% dos adultos vacinados com pelo menos uma dose até o fim de agosto, e 100% até setembro.

“Temos um cronograma que aponta para alcançar 100% da população acima de 18 anos no próximo mês, e vamos continuar atingindo nossos objetivos. Mas o cuidado precisa continuar: estamos com a variante delta em transmissão comunitária no Paraná. Temos uma grande necessidade de que todos os paranaenses tomem a primeira dose e lembrem de tomar a segunda dose na data correta. É um esforço coletivo”, afirma Beto Preto, secretário da pasta.

 

População geral

Em números absolutos, o Paraná é o quinto estado que mais vacinou no Brasil – atrás de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Quando o recorte é apenas nas doses aplicadas na população geral, a posição sobe para terceiro (atrás de São Paulo e Rio de Janeiro).

No grupo de adultos de 18 a 59 anos, foram 2.877.654 doses aplicadas. Na sequência, entre os grupos prioritários, os que mais receberam vacinas foram as pessoas de 60 a 64 anos (926.091), as de 65 a 69 anos (829.910), os trabalhadores de saúde (804.508) e os idosos de 70 a 74 anos (609.601).

Além disso, as mulheres são maioria entre os vacinados: elas correspondem a 55% de todos os imunizados.

Proporcionalmente à população, o Ranking da Vacinação destaca, entre os municípios que mais aplicaram a primeira dose, Pontal do Paraná (79,74%), Maringá (78,56%), Barra do Jacaré (75,21%), Floresta (74,81%) e Arapongas (74,33%).

Na segunda dose, lideram o ranking Bom Jesus do Sul (34,04%), Pontal do Paraná (33,99%), Kalore (32,73%), Esperança Nova e Santo Antônio do Caiuá (ambos com 31,32%). Já na dose única, os destaques são Porto Vitória (10,1%), Siqueira Campos (9,45%), Itaperuçu (8,82%), Sertanópolis (8,42%) e Imbaú (7,82%).

Foto: Jose Fernando Ogura /AEN