A mãe do rapaz de 28 anos, moradora do distrito de Jaracatiá, procurou a Delegacia de Polícia de Goioerê para registrar um boletim de ocorrência do desaparecimento do rapaz.

A mulher relatou que o filho não mantinha contato desde o dia 28 de agosto, quando disse em telefonema que iria trabalhar na cidade de Turvo, na região de Guarapuava.

Ocorre que ao registrar o boletim de ocorrência, o investigador de plantão descobriu que o rapaz estava preso na Penitenciária Industrial de Guarapuava.

A mãe ficou aliviada por ter notícias do filho e ao mesmo tempo tensa, por saber que ele está preso. Não foi informado o crime pelo qual o indivíduo se encontra preso.

(Portal Nova Santa Rosa)