A Prefeitura de Foz do Iguaçu recebe hoje mais 7 mil doses de vacinas contra a covid-19 para dar sequência à vacinação em pessoas com 18 anos ou mais. O anúncio foi feito pelo secretário de saúde do Paraná, Beto Preto, que recebeu o prefeito Chico Brasileiro em Curitiba.

“O Município de Foz do Iguaçu tem toda a atenção do Estado do Paraná e, por ser uma cidade de fronteira, recebeu doses extras do Ministério da Saúde para imunizar sua população. Mas, neste momento, pelas projeções do Ipardes, ainda faltam algumas doses para cobrir a população adulta. Atendendo a essa demanda, estamos repassando 7 mil novas doses da nossa reserva técnica para que a vacinação não pare neste momento”, disse Beto Preto, que também agradeceu à Secretaria Municipal da Saúde pelo trabalho realizado.

O prefeito Chico Brasileiro destacou o apoio e o comprometimento do governo do Estado com a vacinação. “Agradeço ao empenho da Secretaria de Estado da Saúde e do governo do Paraná para que possamos continuar à vacinação, tendo em vista que a nossa população está acima da projetada pelo IBGE. Somos uma cidade de fronteira e temos muitos brasileiros com dupla cidadania. Daremos sequência à vacinação e muito em breve venceremos essa batalha”, destacou.

O primeiro lote extra foi enviado pelo Ministério da Saúde no dia 16 de julho, com 37.885 doses, e o segundo foi entregue no dia 10 de agosto, com apenas 20.532 doses.

O governo do Estado também repassou esta semana 14 mil doses para aplicações de segundas doses no Município.

 

Vacinação

A aplicação das primeiras doses terá sequência ainda nesta semana e será informada através dos canais oficiais da Prefeitura de Foz. Com isso, o agendamento on-line será novamente aberto para a população com 18 anos ou mais. De acordo com a Vigilância Epidemiológica, 15.457 pessoas ainda precisam receber a primeira dose do imunizante.

Desde o início da campanha de vacinação, em janeiro, foram aplicadas 252.984 doses, 183.526 de primeira dose, 62.400 de segunda dose e 7.058 doses únicas. O Município está com 96% da população adulta, acima de 18 anos, vacinada com a primeira dose ou a dose única e 35% com a segunda dose.