Doenças sexualmente transmissíveis, tuberculose, tabagismo, álcool, drogas, violência contra a mulher, depressão e suicídio foram temas de rodas de conversa, palestras e orientações da Semana de Saúde do Servidor Penitenciário de Cascavel, que reuniu mais de 300 pessoas. As atividades, que ocorreram simultaneamente em todo o estado, foram realizadas na Penitenciária Estadual do município.

Para o coordenador da regional de Cascavel do Departamento Penitenciário, Thiago Correia, a proposta reforça a importância do servidor cuidar da própria saúde física e mental. “Encontramos uma forma de liberar o servidor para participar do evento e assim, poder realizar os testes e exames oferecidos pela nossa rede de parceiros, com a finalidade de atuar na prevenção, orientação e tratamento de possíveis doenças, como a tuberculose, por exemplo, bastante recorrente no sistema prisional”, explicou.

Durante os três dias de evento, os servidores assistiram às palestras e puderam participar de um circuito de atividades oferecidas pelo Centro Universitário Univel. Entre as ações, estavam testagens rápidas, avaliações físicas, orientações nutricionais e cuidados com a saúde bucal. Outra parceira, a empresa Terra Mate, forneceu tererê e chimarrão aos presentes.

Segundo o agente penitenciário, Eli Oliveira, ações iguais a essa, contribuem tanto para o conhecimento, quanto para a prevenção de doenças. “Quem está no fundo da unidade nem sempre tem disposição para ir buscar essas informações fora daqui, por isso, quando você traz uma ação assim, é de grande valia, já que proporciona ao servidor o cuidado e a orientação”, afirma.

Para o diretor-geral da Univel, Renato Silva, o evento foi a primeira das muitas parcerias que podem ocorrer no futuro entre as instituições. “Assim que fomos provocados pelo Depen, aceitamos  participar e oferecer nossos serviços aos servidores que dedicam suas vidas na custódia das pessoas presas. Estamos de portas abertas para projetos e ações que ajudem o sistema penitenciário”, afirmou Renato Silva, durante o discurso na abertura do evento.

Os servidores que participaram das palestras, foram certificados pela Escola de Formação e Aperfeiçoamento Penitenciário (Espen), concorreram a vários brindes e, no fim do evento, foram contemplados com um coffee break. “Terminamos esse evento e já começamos a pensar nas próximas edições sempre contanto com o apoio e organização de todos os servidores”, finaliza Thiago.

Em Cascavel, o evento foi realizado pelo Depen, em parceria com o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná (Sindarspen), Sindicado dos Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Paraná (Sinssp), 10ª Regional de Saúde, Univel Centro Educacional, Fundação Assis Gurgacz, Defesa Civil, Exército Brasileiro e empresas privadas.