Retiros espirituais com mensagens de fé, louvor e lazer para casais, famílias ou jovens são até comuns, agora, um ministério evangélico de Cascavel decidiu fazer um retiro para moradores de rua.

O evento acontece neste fim de semana na Chácara Compagnoni, na saída para Foz do Iguaçu, e é organizado pelo Mevam (Ministério Vinde Amados Meus), que há anos trabalha com moradores em situação de rua. E, inclusive, já ajudou várias pessoas a deixar as ruas e que hoje têm emprego e moradia fixa.

De acordo com o pastor Nildo Alves, a proposta é passar três dias com os moradores de rua para observar quantos deles estão interessados em mudar de vida. Quem quiser, sairá de lá para uma pensão e terá um emprego formal garantido.

O pastor lembra que a Bíblia recomenda que é preciso dar proteção às pessoas que se encontram em situação de miserabilidade e que orienta a levar justiça social para as pessoas necessitadas.

O evento

O retiro vai reunir 23 moradores de rua, que receberão comida e atividades de recreação. Regiane Baroni, uma das organizadoras do evento, diz que o foco é trazer à memória tudo o que dá esperança, trabalhar a identidade perdida e mostrar para eles que é possível uma nova vida. “Eu tenho certeza de que esse retiro vai mexer com a estrutura emocional de todos e creio que Deus vai transformar vidas nesse retiro. Não é apenas um retiro, mas um verdadeiro encontro que eles vão ter lá”, ressalta.

Também está programado o Momento Beleza, quando homens ganharão corte de cabelo e roupas novas e as mulheres passarão por sessões de maquiagem, além de cuidados com cabelos e sobrancelhas.

Reportagem: Luiz Carlos da Cruz