LIRAa tem ótimos índices

O último LIRAa (Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes Aegypti) deste ano foi divulgado pelo Programa Municipal de Controle da Dengue de Marechal Cândido Rondon. O resultado da quinta amostragem de 2018 apresentou o índice de 0,2%, considerado excelente, visto que índices abaixo de 1% são de baixo risco. O levantamento relativo ao início do ciclo foi realizado nos dias 10, 11 e 12 de setembro. Segundo o coordenador do programa do setor de Endemias da Secretaria de Saúde, Sérgio Sigmar Radke, os bons números são resultado da cooperação da população, das campanhas e do trabalho realizado pelos Agentes de Combates às Endemias.

Cobertura I

Radke explica que o ano é dividido em seis ciclos de dois meses cada um e a meta é a de atingir 80% dos imóveis do Município: “No quarto ciclo realizado nos meses de julho e agosto, o número de imóveis constantes no nosso banco de dados era de 20.863. Desse total, foram vistoriados 18.397, atingindo 88,2% do número total de imóveis”.

Cobertura II

Já no quinto ciclo, que fica em vigência até outubro, o número de imóveis é de 23.629, dos quais 19.091 devem ser visitados para que a meta de 80% seja atingida.

Tiro ao alvo

Neste sábado (22) e domingo (23), os quatropontenses Marlon Andre Lermem e Eduardo Maffei competirão na quinta etapa do Campeonato Paranaense de Desafio do Aço, SR, TRP E NRA – 2018, na Atac (Associação de Tiro de Assis Chateaubriand). O Desafio do Aço terá quatro pistas com cinco tiros em cada pista (cinco passadas por pista), totalizando 100 tiros. No NRA Rápido serão 24 tiros, no Saque Rápido 50 tiros e no Tiro Rápido de Precisão 20 tiros. Os competidores de Quatro Pontes recebem apoio da prefeitura, por intermédio do Departamento de Esportes.

Valor de uma vida

Como parte das ações do “Setembro Amarelo”, campanha em que se promove a conscientização e a prevenção ao suicídio, teve início nesta semana o projeto “O Valor de uma vida”, desenvolvido pelas psicólogas do Ambulatório Municipal de Saúde Mental de Toledo, Gilsônia Beatriz Timm e Samayra Kelly Higa. O projeto tem como objetivo trabalhar a prevenção na adolescência. Os primeiros a receberem as atividades do projeto foram os adolescentes do Florir Toledo.

O projeto

A intenção da equipe é trabalhar com dez turmas do Pró-Jovem e duas turmas do Florir Toledo. A expectativa é realizar um trabalho de prevenção reunindo entre 200 e 250 adolescentes.

Peça ajuda!

Durante as rodas de conversa elas falam do projeto “Caretas” desenvolvido pela Unicef e Facebook. Também divulgam o telefone do CVV (Centro de Valorização da Vida) 188. O serviço fica disponível nacionalmente durante 24 horas e auxilia as pessoas que estão passando por algum tipo de sofrimento e querem buscar ajuda. Ligue. Peça ajuda!

Tempestades

Você sabe o que fazer em caso de tempestade? O tema foi abordado em uma palestra realizada na noite de quarta-feira (19) no auditório da Acimacar, pela coordenadora do curso de Geografia da Unioeste, Karin Linete Hornes, e pelo comandante do 3º Subgrupamento do Corpo de Bombeiros de Marechal Rondon, capitão Tiago Zajac dos Santos. A partir do tornado registrado na cidade em 2015, foi elaborado um informativo sobre quais precauções adotar após receber o alerta, como telefones úteis, orientação aos familiares, e jamais se abrigar debaixo de árvores.