Acidentes aumentam

A retomada gradativa das viagens de turismo, de negócio e das atividades do dia a dia pela população, mesmo diante das restrições por causa da pandemia da covid-19, recrudesceu os números de acidentes nas rodovias federais, segundo registros da Polícia Rodoviária Federal para a Coluna. De janeiro a julho deste ano, a PRF já registrou 30.868 acidentes nas estradas no Brasil, frente a 29.032 no mesmo período do ano passado. Dentre esses, os acidentes graves saltaram 7.754 para 8.502 este ano.

 

Socorro

Os registros de feridos e mortos tiveram um leve aumento. Já foram registrados 34.011 feridos este ano (frente a 32.858); e 2.462 mortos frente 2.287 para os sete meses.

 

Grupinho

O chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, cadastrou-se no Telegram na sexta-feira. O fez a exemplo de ministros palacianos que usam o aplicativo para conversas reservadas.

 

Guenta, mamãe 

Os assessores mais próximos do senador estão apreensivos. Força de vontade, ela tem. O receio é como Eliane, mãe do agora ministro, uma senhora, vai assumir a agenda intensa do filho de viagens no Piauí e as numerosas reuniões em Brasília.

 

Buzinaço na praça…

Um cidadão desprevenido provocou fila de dez minutos ontem à tarde na praça de pedágio da Via 40 na rodovia Belo Horizonte-Brasília, próximo a Sete Lagoas (MG). Esqueceu de sacar dinheiro para pagar a tarifa. E os atendentes não recebem o valor em cartão de débito do banco regional do motorista, o único que portava na carteira.

 

…do pedágio

Há um projeto de lei que tramita no congestionado Senado (PL 4.643/20), que altera a Lei 8.987, de 1995, de autoria do senador Eduardo Girão. O texto obriga as praças a aceitarem todo tipo de cartão de débito e crédito. Aliás, o motorista foi salvo por outro desconhecido, que lhe emprestou os R$ 5,30.

 

Notícias do Palácio

Um novo veículo de imprensa nasce em São Paulo com linha bolsonarista na praça. A exemplo de José Dirceu, ex-chefe da Casa Civil de Lula da Silva que buscava uma rede de mídia de apoio ao partido, aliados de Bolsonaro tentam criar a sua.

 

Oi, Fica?

O presidente do PDT, Carlos Lupi, tenta evitar que o dissidente deputado federal Túlio Gadelha (PE) dispute a reeleição pelo PSB. Mas foi a mão pesada de Lupi no PDT quem retirou Gadelha da disputa da prefeitura ano passado, o que magoou o deputado.

 

Mercado aberto

Na semana em que o Congresso Nacional analisa o projeto de privatização dos Correios, o Mercado Livre “postou” um suspense na praça. Lançou lindo vídeo publicitário com Zico. Uma boa jogada de uma empresa argentina, potencial compradora da estatal, que precisa cativar os brasileiros – caso se concretize o que circula na praça.

 

Concorrentes

Mais especulações entre escritórios e bancos é que outros potenciais compradores dos Correios – a maior empresa de logística da América do Sul – são uma grande loja de departamentos e um banco brasileiro.

 

Em tempo…

… a mina de ouro dos Correios não é apenas entrega de encomendas. São suas agências (boa parte próprias) na maioria das cidades brasileiras que podem se tornar bancárias ou pontos de vendas de variados produtos.