Policial

Oeste e Sudoeste: 5º Comando Regional registra mais de dois confrontos por semana

Ontem, dois morreram no Centro de Cascavel após roubar uma loja de móveis e eletros
Criminosos mortos ontem tinham assaltado uma loja de móveis e eletros em Cascavel (Foto: Fabio Donegá)

Englobando as regiões Oeste e Sudoeste do Estado, com municípios de fronteira como Foz do Iguaçu, Guaíra, Santo Antônio do Sudoeste e Barracão, o 5º CRPM (Comando Regional da Polícia Militar), com sede em Cascavel, já registrou, somente neste ano 45 confrontos que resultaram em 17 mortes, sendo dois destes óbitos de policiais militares.

De acordo com o tenente-coronel Washington Lee, comandante do 5º CRPM, durante fala na implantação da UPS (Unidade Paraná Seguro) Sul, toda semana, os policiais enfrentam pelo menos dois confrontos armados. “Somente na última semana [nos primeiros dez dias de abril] foram quatro confrontos com marginais na nossa área de abrangência”

Segundo dados do Comando, somente a Polícia Militar se envolveu em 45 confrontos armados com criminosos.

As duas últimas mortes aconteceram ontem, na Rua Afonso Pena, a poucas quadras da Delegacia da Polícia Civil e do Batalhão da PM, em Cascavel. De acordo com informações colhidas pela reportagem de O Paraná, no local, os dois homens, um deles identificado como Edson Nogueira da Cruz, de 33 anos e como Douglas da Silva Costa, 27 anos, foram até uma loja de móveis e eletros, na Avenida Brasil, nas primeiras horas da manhã e disseram aos vendedores que iriam efetuar um pagamento.

No segundo piso da loja, eles sacaram duas armas e anunciaram o assalto. Na saída, onde deixaram uma motocicleta Yamaha YBR com placas de Medianeira, eles se depararam com um policial militar à paisana, que estava de folga, e deu voz de abordagem. Como os dois assaltantes tentaram fugir, o policial efetuou alguns disparos para o alto e os bandidos saíram correndo.

Armado, um dos criminosos rendeu uma motorista e roubou o veículo da mulher e, ao parar para dar carona ao outro assaltante a poucas quadras do local do assalto, foi interceptado por outro militar, que estava em um posto de combustíveis ao lado da loja.

O segundo policial deu ordem de parada, mas os criminosos atiraram. O PM revidou, e os dois bandidos foram atingidos e morreram.