Inovação é palavra de ordem

De 17 a 20 de maio, Cascavel será palco da 1ª Feira de Inovação, a Technovação, o maior evento de inovação tecnológica do oeste do Paraná que está sendo organizado pela Fundetec e que, com a 10ª Feira Internacional de Ciências Aplicadas, Invenções, Inovação e Negócios, a InnovaCities, promete movimentar o Centro de Convenções e Eventos.

O evento marca também a implantação do Prêmio Cascavel de Inovação, um reconhecimento à melhor empresa inovadora, ao melhor startupeiro technovação, ao projeto de inovação, ao melhor projeto de inovação e ao aluno inovador.

A Technovação contribui para consolidar a imagem do Município de Cascavel na forte condição de cidade inovadora, implementando a Lei Complementar 90 de 23 de dezembro de 2016 – Lei Municipal de Inovação – a qual promove o desenvolvimento científico e tecnológico por meio de ações inovadoras, atividades e políticas que promovam o desenvolvimento econômico da região.

"A Lei de Inovação prevê, entre outros benefícios, que empresas inseridas no Cadastro Municipal de Inovação, obtenham descontos de até 50% sobre o valor do IPTU, fixação da alíquota de 2% a 2,5% sobre o ISSQN e desconto de 30% sobre o valor do alvará", detalha o diretor técnico da Fundetec, Carlos Alberto Schulze.

Uma feira, muitas novidades

Realizada em parceria com a Abipir (Associação Brasil Internacional de Inventores, Cientistas e Empreendedores Inovadores) com a chancela da Ifia (Federação Internacional das Associações dos Inventores), a feira é um espaço dinâmico e interativo, com mostras de robótica, simuladores e drones show, projetos de sustentabilidade do Parque Tecnológico Itaipu e seus veículos elétricos e muito mais; reserva amplo debate e palestras com renomados especialistas na área tecnológica como Iberê Thenório, Walter Longo, Marcelo Vivacqua e Jon Maddog Hall e traz oficinas em roadsec voltadas a óculos rift, pixel beads, lock picking, lego, caneta 3D, little bits e drones para os mais aficcionados da área; espaço kids, maratona de desenvolvimento hackathon, área gastronômica, esportes radicais, fóruns, seminários e áreas fitness.

Espaço para resolução de problemas

Carlos Alberto Schulze explica que no evento haverá um "espaço ponte" por meio do qual as empresas poderão apresentar problemas e dificuldades e compartilhar com universidades e inventores a fim de buscar uma resolução. "As universidades também têm espaço para apresentar seus projetos de inovação que estão desenvolvendo e os acadêmicos podem apresentar seus TCCs, monografias, dissertação ou tese para empresas que poderão investir nos projetos e transformá-los em negócios", detalha.

Vitrine internacional

Segundo o presidente da Fundetec, Alcione Tadeu Gomes, a Feira da Inovação contribui na catalisação transformadora da região oeste do Estado do Paraná, por meio da disseminação da cultura da inovação e visibilidade internacional em evento estruturado em ecossistemas de inovação. "São muitas mostras nas áreas de tecnologia, automação, robótica, ambiental, rural, economia criativa e empreendedorismo, capazes de fortalecer a identidade da cidade promotora de ambientes de inovação por meio de agregação de instituições de ciência e tecnologia, empresas privadas, iniciativas públicas, instituições de ensino superior e escolas do ensino fundamental e médio com vistas a promover atrações a esses públicos".

Prêmio Cascavel Inovação

O Prêmio Cascavel Inovação foi lançado dia 20 de março, numa parceria com o Sistema Fiep e o Bússola de Inovação, durante reunião realizada na Casa da Indústria. O Bússola de Inovação é, na verdade, um dos pré-requisitos de uma empresa inovadora para participar deste prêmio que reconhece as empresas mais inovadoras do Município de Cascavel, as iniciativas inovadoras idealizadas por inventores independentes e demais instituições e promove discussões de cunho inovador e de caráter empreendedor, com o objetivo de captar recursos e projetos para o desenvolvimento econômico do Município.

"O Bússola de Inovação é um critérios para avaliação da premiação. Os demais estão sendo definidos junto com o Conselho Municipal de Inovação", detalha Carlos Alberto Schulze.

Segundo ele, a Bússola da Inovação visa incentivar o processo de inovação na indústria. Para isso, inclui uma pesquisa online, pela qual após o preenchimento, os respondentes terão acesso a um diagnóstico personalizado de inovação. Para traçar um retrato real da inovação, a pesquisa Bússola da Inovação precisa contar com o maior número possível de respostas. “Assim, a participação de cada indústria é fundamental para mostrar as necessidades de cada setor e região. Com base nessas informações, podem ser idealizadas e planejadas ações específicas para facilitar o processo de inovação nas indústrias".

Para participar da Bússola da Inovação e do se inscrever ao Prêmio Cascavel Inovação basta acessar o link (bussoladainovacao.org.br). Cadastre seu e-mail e senha, então, é só iniciar a pesquisa.



Fale com a Redação

doze + quinze =