Porto Alegre – Com resultados não tão bons no meio de semana, um pelo Campeonato Gaúcho e outro pela Libertadores, Internacional e Grêmio chegam para o clássico deste sábado com motivos de sobra para buscar a vitória sobre o mais tradicional adversário.

O Grêmio deverá contar com retornos importantes, além da estreia de Rafinha, contratado esta semana. Kannemann ainda não tem certeza se estará disponível, porém será acompanhado de perto pelo departamento médico da equipe, que tenta intensificar o processo de recuperação do zagueiro tricolor para o confronto diante do Inter. Pedro Geromel, que também teve uma lesão grave, coincidentemente no último Gre-Nal de 2020, está descartado para o clássico.

Do lado colorado, a estreia em clássico fica por conta do técnico Miguel Angel Ramirez. Será o primeiro clássico dele, que pretende reverter os números dos últimos confrontos. Com a missão de quebrar o tabu de sete anos sem vencer na Arena, o Inter encara o Gre-Nal 430 às 22h15 de sábado.

O time lidera o Gauchão com 17 pontos, três a mais que o Grêmio e um jogo a mais.